30 de agosto de 2014

Sem final.



Inúmeras foram as vezes que eu comecei uma carta para você, e acabei não terminando. Embolava-as e as jogava direto no lixo. Escrevia aonde dava. No guardanapo daquele jantar fino. E no diário aonde escrevo os meus compromissos. Não consigo entender porque eu nunca acabava aqueles textos, talvez seja porque a nossa história não teve um fim, ou porque eu não soube dar o devido fim a ela. Depois de todas aquelas palavras não ditas, aquelas cartas não terminadas e aqueles textos inacabados e sem um devido fim, fico feliz em saber que superei o fato de escrever sobre você. Não lembro direito porque eu começava a escrever. Se era por ter te visto na rua, ou por ter rolado algum sentimento dentro de mim que eu precisava por pra fora de alguma maneira. Escrever sempre foi o meu refúgio. Por sorte, todos aqueles sentimentos, eram passageiros, assim como a nossa história. Nunca entendi, porque as histórias de amor, sempre tem um fim trágico e doloroso. Mas decidi que a nossa seria diferente. Ela não teria um fim. Antes um fim inacabado do que um fim sem recomeço. Dar um fim a uma história que eu fui tão feliz, ou pelo menos, achei que fui, iria doer demais. Então sem fins. Acho que é por isso que os meus textos e as minhas cartas para você, nunca foram entregues ou pelo menos, acabadas. Afinal, como entregar algo sem um ponto final? Como por um ponto final que nunca existiu? Preferi deixar que o tempo se encarregue desses detalhes que eu não tive coragem o suficiente para fazer. E sobre as cartas, se um dia eu achar algumas delas, eu te entrego. Mas dessa vez, com a diferença, que elas terão um final.



7 comentários:

  1. Lindo texto ! :)

    http://blogluisarodrigues.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  2. Você além de ser linda escreve super bem! Ameii <3
    Beijoss, mahcasali.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada larissa, e linda é você!!
      Beijos

      Eliminar
  3. Um texto muito bonito, não sei de onde tiram criatividade para escrever textos assim.
    http://heartcoffee1.blogspot.com.br/2014/10/resenha-gokusen1.html

    ResponderEliminar

Olá! Não esqueçam de deixar o seu comentário pra mim, e deixem o link do seu blog para que eu possa visitar, até mais :)